.share-button {display: inline-block;}

24 fevereiro, 2013

Mateada na Redenção



No dia 23 de fevereiro colocamos o pilão e o saco de erva cancheada debaixo do braço e fomos matear na Redenção. Além das pessoas que convidamos pela internet - conhecidos, familiares e participantes das Carijadas - muita gente que passava por ali parou para trocar experiências a partir da sua relação com a erva mate. Já na primeira leva que saiu do pilão pudemos sentir um gosto bem mais forte e amargo em relação à erva pilada em São Miguel das Missões ou a socada em Torres. Isso devido ao fato de ter descansado quase 2 meses. Basicamente é isso que diferencia a erva tomada no Rio Grande do Sul (mais nova) com a consumida no Urugaui e Argentina (mais curtida). Segue algumas fotos do lindo dia de sol, com muita conversa e entrevistas riquíssimas para o documentário.



Nenhum comentário:

Postar um comentário